Home » Rivotrill » Rivotrill – Local Goes Global

Rivotrill – Local Goes Global

Categories

Rivotrill

bandarivotrill@hotmail.com bandarivotrill@gmail.com
any time

Instrumental Music

Image

Local Goes Global

The globalisation of local music was bound to happen in our free-flowing-information-social-media-crazy-overloaded world.  However, where as globalisation in the traditional sense often means the dissolution of local characteristics or creating a universal state or trend, the globalisation of music is bringing particular regional sounds to the world stage: the music is holding onto its own territory, but it is expanding its domain.

“Digital music services and social networks are making it easier and faster than ever before for previously ‘local’ music to go global” reads the Midem blog post on the key issues facing the future of the music industry.  Seemingly local bands, which may not have previously made any impact outside of their own towns, cities and states, can now reach audiences they had never before dreamed of, and all without leaving home.  If you can find the right image to compliment your sound, get creative with music videos and have a strong social media presence to communicate directly with people, you could be onto a winner.  A cult following may be heading towards extinction.

One of the facilitators of this movement is  BalconyTV.  The story is certainly an entertaining one, starting in co-founder Stephen O’ Regan’s Dublin apartment five years ago. “It’s quite a bizarre startup story. Me and my flat mates were sat in our apartment, and we joked that we should really use our balcony more,” he says.  What they came up with was essentially an art project, filming the comings and goings on their street.  Then one day in 2006 they invited a local band to play on their balcony, the clip became a success and they were then inundated with requests from bands.

“As more musicians took part in videos, the Irish team helped a few bands on their way to greater stardom. An early example of this was a newly signed but as-yet not widely known band called The Script, who performed on  BalconyTV in June 2007. This was the band’s first video performance and in the following four years the band has released two platinum-selling albums. The band’s BalconyTV performance of ‘We Cry’ has been watched over two million times.”

To date,  BalconyTV now operates on balconies in 22 cities around the world, from Mexico to New Zealand, Chile and Russia.  The site’s main goal is to cross cultural borders and offer a taste of different music from around the world: to take local to a global level, with each country deciding who to put on their balcony.

The Internet has transformed the way we listen to music, interact with each other and how we see and access our world.  People are inherently curious  – and often easily bored – so constantly search out new and different things to entertain them.  They also like to show what they have, that they are proud of their cultural heritage and want to share it with others.  That is what makes the sharing platforms we have now so great and so effective.  If you like something, show your friends, your acquaintances, educate people about the many brilliant things we can find in this world. Take local global.

Estelle Kealy Freitas

********************************************************************

Bandas Locais no mercado Global

A globalização da música local ja estava prestes a acontecer em nosso mundo,que esta carregado de um fluxo  livre de informação, social-media,etc. No entanto, enquanto a globalização no sentido tradicional muitas vezes significa a dissolução das características locais ou a criação de um estado universal ou tendência, a globalização da música está trazendo particulares sons regionais para o cenário mundial: a música está não somente se segurando em seu próprio território, mas está  expandindo seu domínio.

“Os serviços de música digital e redes sociais estão tornando mais fácieis e mais rápidos do que nunca para a música anteriormente ‘local’ se tornar global”, diz o post no blog da Midem sobre os principais problemas enfrentados no futuro da indústria da música. Aparentemente bandas locais, que ainda nao fizeram qualquer impacto fora de suas próprias cidades ou  estados, podem agora chegar a um público que nunca tinham sonhados, e tudo isso sem sair de casa. Se você puder encontrar a imagem certa para cumprimentar o seu som, ser criativo com os vídeos das músicas e ter uma forte presença na mídia social para se comunicar diretamente com as pessoas, você pode ser um vencedor. Os seguidores de cultos podem estar caminhando para a extinção.

Um dos facilitadores deste movimento é  BalconyTV. A história é certamente bem divertida que começou a 5 anos no apartamento em Dublin do co-fundador Stephen O ‘ Regan. “É uma história bastante bizarra para o começo. Eu e meus companheiros de casa estavamos sentado  em nosso apartamento, e um dos nossos amigos brincou dizendo que deveríamos usar nossa varanda um pouco mais “, diz ele. O que surgiu foi essencialmente um projeto de arte, filmando as idas e vindas em sua rua. Então, um dia, em 2006, eles convidaram uma banda local para tocar na sua varanda, o clipe se tornou um sucesso e eles foram inundados com pedidos de bandas.

“Como mais músicos participaram desses vídeos, a equipe irlandesa ajudou algumas bandas em seu caminho para o estrelato maior. Um dos primeiros exemplos disso foi um recém-assinado, mas como ainda uma banda desconhecida chamada The Script, que se apresentou no BalconyTV em junho de 2007. Esta foi a primeira peformace em video da banda e nos quatro anos seguintes a banda lançou dois álbuns de platina. O video da banda no BalconyTV ‘We Cry’ foi assistido mais de dois milhões de vezes. ”

Até à data de hoje, BalconyTV  opera em varandas de 22 cidades ao redor do mundo, do México à Nova Zelândia, Chile e Rússia. O principal objetivo do site é de atravessar as fronteiras culturais e oferecer um gosto de música diferente de todo o mundo: levar local a um nível global, com cada país decidindo quem colocar na sua varanda.

A Internet mudou a maneira de ouvir música, interagir uns com os outros e como vemos e como  acessamos o nosso mundo. As pessoas são inerentemente curiosas – e muitas vezes facilmente entediadas – tão constantemente buscam coisas novas e diferentes para entretê-los. Eles também gostam de mostrar o que eles têm, que eles estão orgulhosos de sua herança cultural e querendo compartilhá-la com os outros. Isso é o que faz com que as plataformas de compartilhamento que temos agora sejam tão grande e tão eficazem. Se você gosta de algo, mostre aos seus amigos, seus conhecidos, ensinando as pessoas sobre as muitas coisas brilhantes que podemos encontrar neste mundo. Faça mundial  o local.

Estelle Kealy Freitas

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: